Ao olhar para nossa sociedade, vejo que está na hora de mudar alguns conceitos que adotamos para nossa vida, ou que foram impostos pela mesma. Já está mais do que tarde, para as pessoas decidirem o quanto que cada coisa vale para si. Saber o que é essencial e dispensável é um passo imprescindível, para sermos felizes. Se felicidade não se compra, então o que mais te aproxima dela? É isso meus caros, que estou tentando explicar. 
Há uns que acham que comprar, é o que mais o deixa feliz, outros preferem o amor, o amor a dois, o amor platônico, o amor de familia, o amor ao próximo. Esses são diferentes, mas não deixam de ser amor. As vezes me pergunto o porque que todos querem tanto amar, e a conclusão que eu tive é que o amor, é o sentimento mais sublime que existe, é o sentimento que mais nos aproxima da magia. Por conta disso, passa a ser então, a maior obsessão de todos.
Mas acontece que, as pessoas ficam cegos diante da busca incansável pelo amor, fazem tudo por ele, superam distancias, quebra paradigmas. Não que isso seja ruim, mas é que muitas vezes esse amor não vale a pena, tanto sacrifício que não é correspondido. O que mais me irrita nisso tudo, é a ilusão que as pessoas preferem viver, o medo de enfrentar a realidade, as fazem criar um conto de fadas e assim, acabam se envolvendo mais e mais com outra pessoa sabendo que estas não a merecem, acreditando que depois de um tempo ela muda. Fico indignada com pessoas que acreditam de verdade que tem o poder de mudar alguém, porque eu sei que nada faz outra pessoa deixar de ser ela, sem que a mesma queira, com outras palavras, ninguém muda por ninguém. Diante disso, não tenho palavras para descrever o que sinto ao ver alguém sofrer, com a ilusão que deseja viver.
Eu não tenho nenhuma experiência no assunto, mas qualquer um pode enxergar a situação, da mesma forma que eu. Não sou obsessiva pelo amor, e nem ele chegou em minha vida, talvez por isso que consigo escrever sobre isso com facilidade, mas sinceramente se for para ultrapassar meus limites e mudar minha personalidade por amor, prefiro ficar sem. Se ter amor significaria parar de viver minha vida, para viver a de outra pessoa, eu não faria questão de sentir o que todos tanto querem. Não acho que para viver uma grande paixão, vale tudo, nem acho que amor se compra, mas quanto custa o amor sublime?
Não deveria custar nada, deveria ser lindo, de repente, mágico e é assim que eu acredito que um dia vou sentir, e não quero que seja como tanto vejo por aí, um amor superficial, forçado, que custa muito caro para quem se atreve vive-lo, não com dinheiro, mas com liberdade e sem o direito de ser você mesma. Para mim, não é amor, sacrificar seus ideais porque outra quer. Não é amor o que alega uma pessoa quando pede para você mudar, porque não te aceita do jeito que és. O amor deveria ser a união de duas pessoas que o resultado fosse dois e não apenas um. Quando falamos em mudança, só é valida se tiver consciência de que a mesma é preciso. E quanto a esse amor superficial não desejo sentir, mas não perco a esperança de que possa existir o amor mágico e incondicional que vejo nos filmes. É nisso que eu acredito.  

7 Comentários

Evelyn Oliveira disse...

as pessoas se perdem no meio do caminho da busca por qualquer coisa se não souberem o que realmente querem!

...

Espero q esteja bem querida!
Um forte abraço, bom fim de semana!
; )

Gêsa disse...

Oi, muito lindo seu texto.

Concordo com você, o amor devia ser algo simples e ao mesmo tempo completo. Deveria ser sobre duas pessoas que se amam mutuamente.

Mirian Brandão disse...

Amiga vooc sabe que eu concordo em tudo com vooc, somos bem parecidas né? Se for pra ficar do jeito que vejo tantas pessoas ficarem eu prefiro ficar sem também. Beijos, vooc está cada dia melhor viu .

Ana Lu disse...

Ei Thaíse, achei lindo o seu blog e parabéns pelo pódio no blorkutando. As vezes pequenas mudanças são válidas no amor, para viver a 2, todos tem que ceder em alguma coisa. Mas ninguém muda por amor, se muda por si mesmo, e não adianta começar um amor achando/desejando que a outra pessoa mude, mesmo porque, se ama porque a pessoa é o que é né?
E realmente um amor sublime vale mais que tudo, e não se compra!
Beijos

Kaline disse...

Oi linda..
Adorei esse seu texto.
A gente passa de tudo na vida. Quando a gente menos espera o amor surgi. As vezes em nome dele é preciso mudar alguma coisa pra que se possa viver juntos. Mas isso só vale a pena se realmente for necessário. E se realmente amarmos essa pessoa. Afinal, a essência de uma pessoa nunca muda. É isso que faz cada um ser especial.

adoro seu blog.
beijos

Vanessa disse...

O amor lindo é puro que é demonstrado em filmes, acredito que é o que muitas pessoas querem sentir. Mas o mundo as vezes torna esta ideologia tão impossivel que acabamos nós esquecendo do verdadeiro sentido do que é o amor, do que é amar.
beijos :*

Bell Souza disse...

O valor das pessoas, o amor, a esperança! Esses bons conceitos-ações estão defasados 1000° na nossa sociedade.