Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu a seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pareça, mas tenha a vida eterna. – João 3:16




Por esses dias estava eu discutindo com um colega, sobre religião. Eu uma fiel católica estava tentando, explicar para ele a importancia de Maria, mais ele um fiel evangélico, disse que não acreditava na minha religião de adoradores de imagens. Quando finalmente entramos em um acordo, pudemos ver que tudo não passava de uma grande bobagem aquela ridicula discursão. Será que Deus se importa com qual religião pertencemos? Será que só a religião X é que realmente vai ser salva? Na verdade eu não sou nada para saber as respostas de perguntas tão complexas.
Religião, vem do latim religarium, significa religação com Deus. No final da minha discursão com o meu colega pudemos perceber é que o mais importante é a na religação com Deus, o que importa de verdade é que nós possamos ficar sempre perto de Deus, seguindo seu caminho e seus mandamentos. Que possamos perceber que não é da vontade de Deus todas essas guerras sangrentas por conta de religião. O amor de Deus é grande e misericórdioso, e que não se contenta com todo esse orgulho e vontade de ser superior das diversas religiões que existem.
Antes de julgarmos as pessoas pela religião ou pela falta dela, devemos nos preocupar com as nossas atitudes, e querer sempre perceber que Deus é grande e que sem ele não seriamos nada. Ele é sim, tudo o que precisamos ter, quem tem a presença dele em sua vida é feliz. E quando olharmos em nossa volta possamos enxergar todas as maravilhas que Ele fez para nós, e não questionar nem duvidar pois a presença dele está clara de mais para que todos possam ver.
Hoje é dia de páscoa, hoje não é somente dia de comer chocolate e sim dia de ressureição. Nesse Domingo temos todos que renascer com Cristo e perceber o Ele quanto nos ama. Ele foi capaz de morrer por nossos pecados. E deixo uma reflexão: A semana santa, não é uma semana que temos que fazer caridades e passar uma maquiagem nos nossos pecados, não é uma semana que todos temos que ser religiosos. Temos que ser isso sempre, não apenas na semana santa.
E por fim, espero que todos tenham um ótima páscoa, não cheia de chocolate, mais sim cheio de graças divinas e repleta da presença do espirito santo em nossos corações.

4 Comentários

●๋• тнαi иαรciмєитσ disse...

Entendi bem. Eu nunca fui do tipo que discutisse religião, embora seja muito convicta da minha fé. Sempre acreditei que, como você citou, não é pertencer a determinado grupo de fiéis que me salvará. Tenho melhores amigos que pertencem a outras denominações e isso nunca afetou o nosso relaiconamento.

Feliz Páscoa.

Janaina Barreto disse...

discutir religião dá tanta confusão! Sou adepta do "tenho minha fé e você a sua, eu vou pro meu lado e sejamos felizes". rs Haha
Mas, sabe... A Páscoa, assim como todas as outras datas viraram "dias do comércio". e pra muita gente só serve mesmo como desculpa para afogar o fígado de vinho.

Feliz Páscoa!

Natalia Opazo disse...

prefiro não comentar sobre o texto, pois não sou NADA religiosa, então melhor ficar quieta (:

quanto a participar, eu vou passar todas as informações amanhã, e quanto a divulgar, não temos nenhum selo, eu tenho que dar um jeito de fazer um ^^'

beijos, Natalia Opazo! :(*

ticoético disse...

OLá Thaíse,e a quanto tempo não venho aqui,também não visito nenhum blog há um tempo,enfim,já diziam os sábios "Política,futebol e religião não se discute" e eles estavam certos,em opinião própria digo que a base de uma pessoa é a fé,tudo se baseia no que ela acredita,economicamente,fisicamente,espiritualmente,religiosamnete,enfim,é tudo questão de fé...mas valeu o raciocínio...belo texto.
abraço !